Vampirismo Energético – como evitar ?

Pessoas frustradas, estressadas, fracas, aflitas, negativas, tensas, sejam elas seu pai, sua mãe, parentes, esposas, esposos ou amigos, costumam dissipar rapidamente a sua própria energia vital, sendo invadidas por energias externas, densas e perigosas, acabando enfraquecidas e necessitadas de energia extra, que sem dúvida, se você estiver disponível, irão tentar sugar-lhe. Descubra se você está sendo vítima de vampirismo energético e saiba como evitá-lo.

extraído do site:

http://guruweb.oi.com.br/prototipo/artigos/artigo.php?id=475

” Como defini em outros artigos sobre o Vampirismo, o mesmo se apóia em dois fatores básicos: o vampiro só entra em seu circulo, quando é convidado e os fios energéticos de drenagem, só atuam em pontos fracos emocionais e de seu Ego.

Para um vidente ou sensitivo, essa drenagem se dá por meio de fios astrais luminosos de várias matizes que saem de quem vampiriza para sua vítima, prendendo-se em seu plexo solar, que é a porta de entrada e saída energética de nosso ser.

Esses fios energéticos independem da distância entre vítima e algoz, e nem mesmo o tempo e espaço podem diminuir esta drenagem. À noite, devido ao nosso estado passivo esta drenagem ocorre com maior intensidade por achar campo livre para ação. Toda pessoa “magiada” ou “vampirizada” sente um sono profundo e pesado, ou com insônias terríveis seguida de pequenos momentos de sono com sonhos perturbados, e ao acordar parece que “arregou pedras” a noite toda.

Com o passar do tempo, o corpo responde ao ataque debilitando-se e enfraquecendo-se até adoecer de varias maneiras. Para resgatar o que lhe foi roubado passa então a projetar fios de drenagem para os que o rodeiam, numa tentativa de tomar de volta novas forças para não perecer. Instinto, puramente instinto de sobreviver, e assim nasceu mais um vampiro!

Existem inúmeras formas de combater o vampirismo energético, estudada e praticada por pesquisadores do oculto durante séculos e, tentarei descrever as que conheço e uso, que são de fácil execução e eficácia.
1 – O primeiro passo para livrar alguém de um vampiro energético (quando sabemos quem é) é cortar totalmente qualquer contacto com a pessoa, com pena de, parecermos mal educados ou mal agradecidos (não se esqueça que um vampiro consciente adula sua presa com mimos e gentilezas numa tentativa de se aproximar da aura e abri-la para sua entrada). Quando este corte não é possível devido a vínculos de parentesco, trabalho ou convivência no mesmo teto é necessário evitar ao máximo, expor qualquer problema ou intimidade para seu algoz, porque quando desabafamos abrimos nossas guardas e quando nos reservamos estamos dentro de nossa concha íntima. Já lidei com casos de vampirismo entre parentes mãe-filho e vice-versa, irmãos versus irmãos, esposo versus esposa e vice versa, vampirismo não tem moral ou conceitos de família, parentesco ou coisas similares, esses conceitos não se aplicam quando algum ser quer sobreviver e está acostumado a sobreviver da energia alheia, por isso vampirismo é uma doença individualista, e egoísta pois, tira tudo para si e deixa quem doou contra vontade sem nada. Moral não se aplica aqui.
2 – Evitar a qualquer custo, nos períodos de tratamento, deixar que outros descarreguem sobre si seus problemas emocionais ou físicos, como também evitar os contactos com ambientes de baixa freqüência, hospitais e velórios, etc.
3 – Procurar tomar todos os dias, de forma progressiva, os raios solares da manhã, e se possível praticar sob eles uma respiração profunda, relaxamento ou uma postura de Yoga. Ao respirar mentalizar as energias solares entrando por suas narinas e percorrendo seu corpo e órgãos com uma energia alaranjada luminosa ou dourada. Se você olhar para o céu limpo verá pequenas bolinhas de energia em constante movimento: isto é o Prana, a energia vital cujo Pai é o Sol.
4 – No período que estiver se recuperando passar a adotar uma alimentação vegetariana ou frutífera, pelo motivo de que quando ingerimos uma carne animal, branca ou vermelha estamos ingerindo parte do karma do animal que foi abatido, com certeza contra sua vontade!
5 – Como os fios do vampiro estão ligados aos seus pontos fracos emocionais, abster-se de fomentar ou dar corda a pensamentos negativos, de criticas, ou de maldade contra si mesmo ou contra seus semelhantes, mantendo um policiamento rigoroso sobre seus pensamentos. Se esse vampirismo apoiar-se na sua vaidade, medite sobre os seres que estão abaixo de você, observe as pedras, as formigas, uma planta e tome consciência de que você não é mais do que elas, todos são apenas inquilinos do mesmo planeta e com direito a vida e a evolução.
6 – Nos casos de vampirismo, em que seu algoz a seduziu, procure meditar sobre o lado oposto do que ele tem demonstrado, procure achar embaixo da máscara bela e gentil, o lobo que te espreita e que te bajula para poder invadir seu ser. Feito isto vá mentalmente abençoando e libertando-se tanto dos defeitos quanto da aparente beleza de seu algoz.
7 – Uma outra técnica, mais espiritual é você sentar-se ou deitar-se confortavelmente, respirar com calma por um tempo e depois mentalizar em sua mão uma espada de luz dourada, e mentalmente chamar pelo Anjo Miguel e ir passando aquela “espada mental” em volta de seu corpo mentalizando vários fios sendo cortados. Em seguida, imagine uma concha de luz dourada escondendo você e todo seu ser. Finalize, agradecendo ao Irmão Divino sua ajuda. Repita por alguns dias, e desfrute do bom resultado!
8 – Quando ocorre uma contaminação por energias vampirescas, o ambiente que a vítima permanece mais tempo, tende a ficar mais “carregado”a noite . Você poderá usar  ácidos ou pontas de aço, que têm o poder de dispersar essas energias.

Coloque  um pires com algum tipo de ácido no ambiente onde você dorme,  este procedimento  fará com que as energias desequilibradas do vampiro percam sua coesão, e se você for trocando o acido conforme for evaporando, em poucos dias sentira seu ambiente equilibrado e limpo.
9 – Técnica, usada por Papus consiste em você colocar 9 pedras de carvão em um prato fundo, e cobri-los com 1 copo de leite crú, e colocar sob sua cama ou cabeceira da mesma. No dia seguinte despache tudo e recoloque novos carvão e leite.
10 – Espete várias agulhas ou pregos de aço em um pedaço de argila, sabão ou qualquer outra matéria que sirva para isso, e coloque este “ouriço” de pontas próximo a cabeceira de sua cama, escrivaninha ou onde permanecer mais tempo. Conforme a carga vampiresca que estiver presente ao passar dos dias as pontas enferrujarão. Troque-as.
11 – Uma faca pequena de aço com a ponta para cima também se transforma num dispersor destas energias, principalmente à noite.
12 – Se tiver disponibilidade de um pedaço de chão de terra ou mesmo um vaso grande com terra, finque nele um pedaço destes ferros de construção e diariamente segure sua ponta com as duas mãos e mentalize as energias negativas escoando para dentro da terra.
13 – Use e abuse da pedra turmalina, do rubi, e da ametista. Estas pedras têm um alto poder de proteção contra vampirismo.
14 – Se seu caso for o vampirismo de origem sexual, além dos procedimentos acima, evite qualquer outro contacto íntimo. Sexo gera energia e num relacionamento vampiresco o vampiro sempre vai levar a melhor.
15 – Outro procedimento bastante eficaz: pela manhã ajoelhe-se e coloque sobre uma relva úmida ou terra seus pés descalços e as palmas das mãos, por alguns minutos, mantendo uma respiração profunda e tranqüila.
16 – Arruda, Sálvia, Alecrim, Alfazema e o Guiné são plantas de grande poder contra vampirismo seja em forma de banho, separadas, juntas, ou em forma de defumação em brasa no ambiente que você vive.
17 – Um último procedimento e, talvez o principal é você de uma vez por todas se conscientizar que se está sendo vampirizado(a) a culpa inicial é sua, pois se você não tivesse aberto a porta de seu ser não seria invadido e que se o vampirismo funcionou é porque em seu Ego há suporte para isto.

Como o auto conhecimento é a base para a eficácia do despertar dos poderes humanos adormecidos, e consequentemente de sua proteção, recomendamos a leitura do link:

https://carlike.wordpress.com/category/curando-as-feridas-do-passado/

extraído do site:

http://guruweb.oi.com.br/prototipo/artigos/artigo.php?id=475

Anúncios

47 Respostas to “Vampirismo Energético – como evitar ?”

  1. Angelina Favaro Says:

    ADOREI AS ORIENTAÇÕES, REALMENTE ESTAVA ABERTA QDO FUI INVADIDA E HJ ME SINTO VAMPIRIZADA, PQ. QDO CONFIAMOS NAS PESSOAS Ñ NOS PROTEGEMOS COM DESAGRADAVEIS SUPRESAS?? NUNCA ESPERAMOS ISSO DELAS, PQ. JAMAIS FARIAMOS ISSO…

  2. Heloisa Dallari Says:

    Gostei bastante das orientações aqui veiculadas. Obrigada.

  3. Quase todo vampirinho emocional, aprendeu a ser assim com os parentes próximos…

  4. Muito obrigado. Sou vampirizado por alguém de dentro de casa e que gosto muito pois a relação é talvez a mais difícil citada aqui acima. Mas passam os anos e meses e não tem jeito, vira e mexe me tira todas as energias falando em momentos coisas q batem no Ego que vc citou e me suga toda energia. Infelizmente terei que seguir vigilante por toda a vida, pois é meu pai. Seguirei alguns dos conselhos na prática.
    Grato. O que vc escreveu é muito verdadeiro, e só sabe na real quem convive com um vampiro. Como vc disse neste aspecto a pessoa esquece da moral do bom ou ruim e seja o q for.. é algo instintivo, e quando se percebe já entrou na ideia que o vampiro queria, e aí frágil emocionalmente se é sugado sem nenhuma piedade.. aí é ter calma.. passarem geralmente várias horas.. restabelecer a paz.. e voltar à vida consciente que terá que vigiar sempre. E é assim. E não adianta tentar explicar q a pessoa nunca entenderá, só é bem provável que ela encontre novamente um caminho para sugar novamente, mesmo quando já está tudo “bem”. É muito dificil isso, pois estamos num projeto de humor com mais pessoas e eu terei de desistir, pq se não serei sugado e viverei mal pelo resto da vida. Sendo que se eu tomar os cuidados consigo viver perfeitamente bem num clima de bem estar muito bons.
    Abraço a vc do blog, e que Deus lhe abençõe.

  5. tinaglima20092hotmail.com Says:

    adorei saber como me proteger
    no trabalho que me vampiriza diz que sou doida.elas usam de magia negra oraçoes.gostaria que me enviasse a oraçao que eles usam para vampirizara vista que fica sem luz e funda.

  6. Vivemos energias, somos energia, é comum passarmos pela vampirização energética, não esquecendo que tb podemos sugar os outros . É importante aprender a lidar com isso no nosso cotidiano. Há muitas sugestões no texto, agradeço por elas. Não entrar no jogo do “vampiro” é perfeito pq ele só entra na sua energia se vc permitir.
    Com um familiar ou parceiro é mais difícil, pq a convivência é mais
    próxima,mas não é impossível quando se tem consciência do que está acontecendo. Repito o agradecimento e aguardo novos artigos sobre o tema.

  7. UmA BOA IDÉIA É VOCE PRAR DEBYRO DE CASA ORAÇÕES PARA QUE ESSAS ENERGIAS NEGATIVAS SEJAM EXPULSAS

  8. Lea Gonçalves Terra Says:

    namaste! ter consciência d q o vampirismo é uma mão dupla, tira o olhar sobre o outro e nos conecta c/ nossas próprias fragilidades. Mto bom o texto. “lobo em pele d cordeiro” é facilmente detectado se a Verdade, o Amor Incondicional e a Compaixão são exercidos incansavelmente! Manipura Chakra desprotegido é o portal p/ o sugador. Todas as técnicas d BEM são benvindas! grata pelas dicas. Om Shanti!

    • Prezada Léa:

      Namastê

      Muito grato pelo sua visita ao nosso blog, pelo seu interesse nesta matéria e pelos seus comentários. Ao deixarmos de projetar nos outros, conforme vc mesma disse, e nos tornarmos conscientes de que, o que nos afeta externamente, é fruto de nossa incapacidade momentânea de ver o que nos incomoda em nosso interior, conseguimos dar um passo em direção ao auto conhecimento.

      Tenho certeza que gostará do assunto do link:

      https://carlike.wordpress.com/category/curando-as-feridas-do-passado/

      Qto mais conscientes ficamos de nossas distorções internas, de nossa negatividade, medos e ilusões, mais próximo estaremos de conviver numa sociedade em pleno estado de Om shanti.

      Se puder divulgar aos seus amigos das redes sociais, do twitter, este link sobre a cura das feridas do passado, mais positividade estaremos ativamente gerando, ok.

      Obrigado.

      Um abraço,

      Carl

  9. Adorei as técnicas!!!mas ainda tenho dúvidas e medos.se alguem puder me ajudar,eu agradeceria muito.por favor!!!meu msn :angelscarlatt@hotmail.com

    • Prezada Rose:

      Agradecemos a sua visita ao nosso blog e seu interesse por este assunto.

      A melhor ajuda que podemos sugerir-lhe é acessar o link:

      https://carlike.wordpress.com/category/curando-as-feridas-do-passado

      e ler o texto, ok.

      Como muitas outras pessoas tbém devem estar sendo vítimas de vampirismo energético, e não sabem como agir, por favor, se puder, divulgue essa matéria para seus amigos das redes sociais, pois, qto mais gente consciente sobre como proteger sua energia de ataques negativos, mais estaremos contribuindo para uma melhor vibração energética de nosso planeta, ok.

      Obrigado.

      Um abraço,

      Carl

      • David Jose Pereira de Moraes junior Says:

        É impressionante, qdo entro em algum lugar que tem alguma coisa puxo tudo para mim, mas ao sair do local não levo nada comigo. Até peso no pescoço eu sinto, mas ao sair do local, nada levo e o peso sai. Me esclareçam, por favor.

  10. odete albarello Says:

    Realmente ,em cada lugar sinto meu plexo solar, com enjoos , fico tonta, e
    não consigo raciocinar,preciso me livrar disso , senão vou enlouquecer.. se puderem ajudar eu agradeço .

  11. Claudia Lopes Says:

    Olá !11
    Adorei todas as dicas sobre vampirismo.
    Muito interessante todo esse esclarecimento.
    Agradeço pelas informações de grande ajuda
    Quero receber a ajuda de como me livrar de tudo isso ok
    Desde já agradeço pela atenção

    • Olá Cláudia:

      Grato pela sua visita ao nosso blog e pelo seu interesse por essa matéria. Basicamente, o que se deve fazer é prestar atenção como vc se sintoniza em faixas negativas que permitem que esses invasores te suguem, se se mantiver alerta qto a pensamentos negativos, ao que vc está selecionando para dar atenção, fica mais difícil para essas energias baixas chegarem em vc. Orações de agradecimento à Deus, à Jesus Cristo a aos bons espíritos que nos acompanham, por tudo que temos, logo pela manhã, antes de se levantar, tbém são poderosos escudos contra forças indesejadas. Finalizando, ninguém pode entrar na sua casa, sem ser convidado, se vc não permitir…

      abs,

      Carl

  12. miriam alves Says:

    Olá tenho certeza que estou sendo vampirizada, ando cansada, minha visão enfraqueçeu e principalmente quando me vejo no espelho sinto-me envelhecida e minhas olheiras pioraram. Eu me envio reiki, mas sinto que ainda esta pouco. É dificil me afastar das pessoas que tenho certeza que estao me vampirizando. Gostaria de saber se posso usar algo andar comigo para cortar isso ou amenizar e se fechar o umbigo melhora.
    agradeço muito.

  13. Se obtver resposta, tambem gostaria de saber. Grata

  14. Andrea Cristina Says:

    Olá. Desde algumas semanas tenho procurado ler sobre “vampirismo energético”, na busca de alguma ajuda. Por toda a minha vida, tenho a sensacao de que eu perco minha energia vital quando me encontro em determinadas situacoes. Tenho tres exemplos, entre outros, dessas situacoes: na minha adolescencia, costumava frequentar um curso de teatro, e em um desses encontros, deveriam todos relembrar um fato muito, mas muito triste da sua vida, e relatar com todos os detalhes e sentimentos. Eu estava no final do circulo, e antes mesmo de eu pensar em falar alguma coisa, eu estava totalmente fraca, tonta, com muita dor de cabeca, enjoo, coracao disparado. Pedi para sair imediatamente. Anos depois comentei esse caso com o meu pai e ele perguntou se eu sabia o que era vampirismo. Entao ele me contou uma história: qdo eu era um bebe, havia uma pessoa muita doente, com cancer, uma madrinha da mae, vivendo conosco. Segundo meu pai, essa pessoa ficava horas comigo no colo e depois disso, ela se sentia bem, e eu, por outro lado, nao parava de chorar, perdia o apetite, ficava fraca e doentinha. Depois de algum tempo, após essa mesma sequencia, meu pai comecou a perceber que poderia alguma estar errada. Ele entao delicadamente afastou a pessoa da nossa casa. Pouquissimo tempo depois eu fiquei totalmente saudável, mas a pessoa acabou falecendo em seguida. E situacoes como essa têm me afetado muito na minha vida, como essa que estou vivenciando agora. Minha sogra teve um derrame e ficou 6 meses no hospital. A pedido do meu marido, fiz visitas quase que diárias, ficando várias horas, conversando, e tendo muito contato fisico, já que ela sempre teve necessidade de que eu estivesse por perto. Com o tempo comecei a me sentir totalmente desanimada, triste, como se eu estivesse doente. A cada dia minha fraqueza foi piorando, ao ponto de que toda vez que eu tinha que visita-la, sentia um desespero, chorava muito, coracao sempre palpitando, falta de ar. Mas por consideracao ao meu marido e à ela mesma, continuei. Agora ela está conosco, há cerca de 10 dias. Minha saúde mental acabou. Tenho a sensacao que estou meio maluca, por nao entender tantos sintomas juntos e tao ruins. Tenho falta de ar constante, nao consigo ficar em pé nem por pouco tempo, tenho o corpo totalmente fraco, sinto muito sono e fraqueza, uma tristeza sem fim. Nao tenho prazer com mais nada, choro quase todos os dias pela manha, tenho sono inquieto, pesadelos, perdi a vontade de sair de casa e de me divertir. Estou me sentindo como um pedaco de pau seco, sem vida. Visitei um medico há dois meses, fiz todos os exames e obtive resultado satisfatório em tudo. Depois do que eu relatei, ele sugeriu um quadro de depressao e me prescreveu medicamento. Tomo desde entao a dose máxima autorizada por ele, e mesmo assim me sinto terrível, totalmente sem vida. Falei para o meu marido que eu nao via mais a diferenca entre o que poderia ser bom e o que poderia ser ruim na vida, que pra mim nesse momento era tudo igual. Disse que eu sentia que eu estava morrendo, simplesmente morrendo como um pau seco. Ele acha que eu estou insana, deveria procurar um psiquiatra. Sempre fui normalmente uma pessoa extremamente risonha, bondosa, carinhosa, disposta, daquelas a quem todo mundo recorre, praticante de esporte e espirituosa. Agora nao consigo me olhar no espelho, pois sinto vergonha de mim por pensar que uma pessoa tao próxima, doente, poderia estar fazendo algo ruim para mim. Fico triste demais com o meu desanimo, já que nao consigo mais executar as tarefas simples que eu sempre fiz na minha vida diária. Me sinto má, insensível, por nao me sentir bem mais qdo estou perto da minha sogra, e me culpo por ter esses pensamentos. Em alguns dias, penso que nao preciso mais estar viva, já que nao consigo mais ajudar o próximo, nao tenho mais animo para nada, nao sou companhia agradável para ninguém, nem para mim mesma. Estou realmente muito cansada… nao sei como obter ajuda.

    • Prezada Andréa, obrigado por compartilhar conosco a sua experiência. Pelo seu relato é notável que você tem uma sensibilidade aguçada, que está de certa forma sendo mal empregada, uma vez que o seu foco principal de atenção são os outros, as necessidades deles, o que eles desejam, em detrimento do que você precisa. Ninguém pode nos sugar, nos vampirizar se não abrimos a porta, se não permitimos que isso aconteça e no seu caso você chega ao extremo de quase se privar da vida em benefício dos outros. Talvez seja hora de voltar o foco para você mesma, de perceber e alimentar as suas necessidades, de fortalecer a sua energia, que está se esvaindo à toda hora e ninguém pode fazer isso por você, a não ser você mesma. Uma maneira útil para se recarregar é ficar num lugar calmo, silencioso, fechar os olhos, voltar a sua atenção para a região do seu coração e visualizar uma poderosa chama violeta se irradiando do centro do seu coração para fora do seu corpo, limpando todos os padrões negativos e distorcidos de relacionamento que até agora você utilizou, após alguns minutos, depois que esta sensação de plenitude tomar conta do seu ser, visualize agora uma chama azul, também partindo do centro do seu coração e se irradiando para fora de todo o seu corpo, criando um escudo protetor contra toda as energias intrusas que queiram te invadir. Desta forma, você primeiro faz a limpeza de padrões negativos arraigados em seu interior e em seguida, fecha a porta para que nada de ruim entre sem que seja permitido. Fique no bem e foque no seu poder interior…

  15. Gostaria de saber sobre o processo de limpeza para proteção de energias negativas, obrigada.

  16. Olá Aline:

    Todo o processo de limpeza, passa pela compreensão e aceitação das energias negativas, ou seja, a compreensão envolve o conhecimento de que toda energia negativa, cujas influências sofremos, estão dentro de nós mesmos.

    É muito comum, acharmos que tudo está fora, que a culpa são dos outros, das situações, do mundo, porém, ao termos esta compreensão, entendemos que se essas energias externas surgiram é que elas foram atraídas pelo nosso próprio padrão interno, ou seja, o mal só surge na sua vida se você está no mal internamente, o problema é que não sabemos disso.

    Normalmente, a etapa seguinte desta descoberta é tentarmos de todas as maneiras negarmos a existência deste mal dentro de nós, fugindo, ocultando, nos alienando, o que em última instância, só causa o seu aumento.

    Por isso a aceitação deste mal é necessária, e não me refiro aqui a apreciar o mal ou querer ficar no mal, mas, apenas constatar que ele existe aqui dentro de nós, sem julgamentos morais ou de valores, que nos impedem de entrar em contato com esta energia escura, que no fundo, é apenas energia pura, bela e criativa que foi distorcida pela nossa incompreensão das leis naturais.

    Resumindo, o melhor processo de limpeza para proteção de energias negativas é a auto consciência, é o estar-se atento ao nosso movimento interno, sem julgamentos e condenações. Ao fazermos isso, a energia negativa e distorcida tem uma chance de transmutar-se na energia poderosa e pura, que ela sempre foi originariamente, porque agora ela não precisa continuar escondida, camuflada, mas, pode vir a luz e se transformar.

    Um abraço,

    Carl

  17. Nossa, Incrivel!!!!!!!!!!!!!aqui voces descreveram tudo que meu esposo faz comigo, ele e um big vampiro, desde que ficamos juntos, tenho problemas de saude e agora ele esta tentando roubar minha sanidade mental. Me sinto presa numa gaiola em suas maos. deixei meu trabalho, estudos e agora comeco do zero bem calada porque ele sempre tenta me convencer que nada vai dar certo. Todos os dias rezo pedindo a Deus forca pois me sinto cansada e desorientada, mas mesmo assim nao desisto, sigo enfrente, ate conseguir ser independente novamente.Suas dicas sao fantasticas, muito obrigado, voces salvaram mais uma vida.

    • maria margareth Says:

      Dica: ande de umbigo tampado com esparadapo ou algo assim, tome banho de sal grosso e anil, e acima de tudo, faça pesquisas na net sobre tal fato

    • Olá Ana:

      Obrigado pela sua visita ao blog e por compartilhar suas experiências tão íntimas conosco.

      Você certamente será um exemplo para os nossos(as) leitores(as), pois, mesmo em situações tão difíceis como a sua, você acredita no seu poder interior e continua em frente, buscando saídas.

      Nós é que agradecemos o seu relato e também a apoiamos totalmente, enviando-lhe todas as boas vibrações e bençãos do universo, na recomposição total de sua vida e de sua independência.

      abs,

      Carl

  18. QUE NECESITO HACER PARA OBTENER EL PROCESO DE LIMPIEZA QUE MENCIONA, ES MUY IMPORTANTE PARA MI Y MI FAMILIA PUES HEMOS SIDO AFECTADOS POR UN VAMPIRO ENERGETICO MUY PODEROSO. PODRIA CONTESTARME POR E MAIL, POR FAVOR?

  19. Olá,
    desde pequena sou vampirizada pela minha mãe. Aos 4 anos de idade comecei a ter depressão, pq minha mãe cortava meus cabelos cacheados e eu ficava tentando colar os cachos. Aos 9 anos quis me matar, nao sabia de onde vinha tanta tristeza. Minha adolescencia foi horrivel. Eu era feia, não tinha seios direito. Minha mãe jamais se importou com o meu sofrimento. Meus namorados nao podiam entrar em minha casa sequer para beber água. Fui ficando bonita. Era chamada para ser modelo, fazer comerciais. Quando eu achei que as coisas iam mudar na minha vida, eu pintei os cabelos e a tinta os estragou. Tive que cortar mto curto e entrei em crise. Fiquei 5 anos sem sair de casa. Minha mãe se sentia util assim, fazia tudo o que eu precisava fora de casa. Aos 25 anos resolvi sair de casa. Entrei pra faculdade. Minha mãe ia atras de mim para todos os lugares. Homem algum se interessava por mim. Voltei a ser feia. Estudava muito. Não ia a festas, nao tinha amigas, nada. Minha mãe sempre estava do meu lado e dizia que os outros tinham inveja de mim. Ela gostava que eu me estressasse com colegas e fizesse inimigos. Arrumei um namorado. Engravidei dele. A gente brigava igual cachorro e gato, era um relacionamento violento, muitos espancamentos e eu quase perdi o BB de tanto apanhar dele. Minha mãe jogava a culpa em mim e jamais o enfrentou, nem ninguem em minha familia me defendeu. Fui embora com meu BB, minha mãe foi junto. Largou tudo e me seguiu. Sempre sorridente para o pai do meu BB. e sempre dizendo que mulher devia apanhar sim. Isso me deixava transtornada. Estudei mais e mais e fui embora para longe, muito longe. Ela foi comigo. Não larga meu filho. Eu nao mando em nada na minha casa e na criação da criança. Minha mãe acha o pai do meu filho um sujeito engraçado e diz que tem muito dó dele. Não acho normal uma mãe gostar de um genro que quase matou a filha de tanto bater. Eu ando ficando nervosa com ela perto de mim. Sinto uma ironia, uma maldade escondida em orações para mim. Ela diz que reza mto para eu encontrar um bom marido, um namorado. Mas, eu sei que ela não quer nada disso. Quando um homem se aproxima de mim ela logo começa a por defeitos nele e me faz brigar com ele. Me estimula a brigar no meu emprego. Eu ja disse a ela que vou acabar perdendo o emprego se a escutar. Ela acha que estou sendo ingrata, pois pedi a ela para que fosse embora viver com meu pai e a familia dela. Eu nao aguento mais. Ate o unico quarto da minha casa ela pegou para ela mesma. Eu durmo na sala desde que ele veio viver comigo. Não suporto mais. Penso em suicidio dia e noite. Meùs colegas nao se aproximam de mim e os poucos amigos que fiz estão se afastando de mim. Não sei o que fazer. Não quero brigar com ele, então prefiro deixar meu filho para ela e me matar. Hoje eu acordei pensando nisso: a unica pessoa que vem me acompanhando a vida toda é minha mãe. Não culpo mais meu ex marido, nem meus colegas pelas minhas desgraças. Acho que a minha mãe manda uma energia estranha para mim. E sei que ela nao gosta de mim.

    • Olá Deborah:

      Tudo bem?

      Obrigado pela sua visita ao nosso blog e por expressar suas ricas experiências de vida.

      Tendemos a achar que nossos familiares devem ser pessoas integras, que nos amem, que nos aprovem e que cuidem de nós para que possamos crescer saudáveis e prósperos, e que sem isso, nunca seremos felizes e independentes. Porém, na prática, muitas vezes, o cenário é mais ou menos este que você apresenta, ou seja, de familiares que “parecem” nos prejudicar mais e mais.

      Vendo este fato sob um ponto de vista mais amplo, podemos verificar que estes mesmos familiares estão fazendo exatamente o que necessitamos que eles façam. Talvez se eles nos tratassem tão carinhosamente, tão amorosamente, não teríamos nenhuma chance de olharmos para nós mesmos e de conquistarmos nossa individualidade, talvez ficaríamos dependentes deles para o resto de nossas vidas, sem cumprir o que viemos cumprir aqui na terra, que é desenvolvermos ao máximo o nosso potencial.

      Se você nasceu num ambiente tão inóspito como o seu, isto é sinal que você é uma pessoa forte, poderosa e independente, mas, que ainda não descobriu este poder. Claro que ninguém gosta de ser rejeitado, maltratado, porém, isto acontece, uma vez que ainda não temos consciência que somos nós quem criamos tudo o que acontece conosco, ou seja, inconscientes de nosso poder, projetamos nos outros todos os padrões negativos que nos infernizam a vida, achando que eles são os culpados pelo nosso sofrimento. Se você está sendo espancada, é porque se espanca por dentro, se você está sendo desprezada, é porque se despreza por dentro, se você está sendo abusada, é porque se abusa por dentro. Por mais dolorido que isto possa parecer, é necessário que entremos em contato com estas verdades, afim de podermos nos libertar desses padrões distorcidos de comportamento. O que acontece conosco externamente, é sempre um reflexo fiel do que estamos fazendo conosco internamente.

      Uma vez percebido isto, é essencial que recuperemos rapidamente nossa energia vital, porque sem ela, não temos condições de nos refazermos, não temos condições de raciocinarmos claramente, para que possamos agir de forma sábia. É sempre recomendável que nos afastemos da “fonte” sugadora de nossa energia, que procuremos maneiras de nos sintonizarmos com as mais sublimes e poderosas energias universais de cura e de amor, que procuremos o contato com a natureza, com os nossos guias espirituais, para que possamos nos equilibrar internamente. Além disso, um corte áurico se torna necessário, para que os cordões de energia que nos ligam à pessoas que nos prejudicam, possam ser anulados. Importante também trabalhar-se o triângulo composto pelo ódio, culpa e medo, onde cada um destes aspectos alimenta os outros dois.

      Quanto ao seu filho, ele necessita também dos seus cuidados e atenção, e é importante para você, que você não o abandone durante este processo de reestruturação de sua vida. Quanto ao suicídio, todos nós já pensamos nisto, pelo menos uma vez na vida, quando as coisas chegam num extremo aparentemente incontrolável, onde apenas o caos e nenhuma saída se apresenta, porém, podemos também encarar esta situação extrema que vivemos, como a nossa mais preciosa chance de darmos o passo inicial para a mudança total em nossas vidas, uma vez que não suportamos mais este cenário desequilibrado, criados por nós mesmos. Além disso, ao desencarnarmos, levamos conosco todo o sofrimento acumulado e do lado de lá, não podemos nos recuperar tão rapidamente, como podemos fazê-lo aqui no plano terrestre.

      Muito importante também, perdoar-se internamente, perdoar-se por tudo o que você se fez passar até agora, agradecer mentalmente a sua mãe, por ter lhe possibilitado estar viva aqui na terra e por ter esta chance maravilhosa de poder alterar de forma definitiva o rumo de sua vida, pedir perdão internamente à ela, por você ter criado todas essas atitudes que ela vinha desempenhando até o momento com você. Alimentação saudável, pouca carne e café, eliminar bebida alcoólica, drogas, ambientes pesados, más companhias, más atitudes. Iniciar pequenos rituais, como por exemplo: deixar bem organizada e limpa a sala onde você dorme, as suas roupas, etc.

      Recomendamos a leitura do livro: “O Caminho da Auto Transformação” de Eva Pierrakos, assim como a iniciação da prática da Meditação Transcendental, que está disponível em várias cidades do Brasil e do mundo. Invocar diariamente, a poderosa chama violeta, quando estiver num lugar calmo e tranquilo, para que ela possa fluir abundantemente através do seu chácra da coroa (topo da cabeça) e do coração e se irradiar por todo o seu corpo e além, visualizando-a queimar internamente, todas as negatividades de sua vida. Visualizar-se num dos pontos energéticos do planeta, como as montanhas do Tibet, Monte Shasta, Chapada dos Veadeiros, Piramide de Teotihuacan e ao receber esta poderosa chama violeta, fluindo por todo o seu corpo, em seguida, visualizar-se num riacho de águas cristalinas que levam embora, em sua correnteza suave, todas estas negatividades e por fim, visualizar uma poderosa luz azul, cobrindo-a e protegendo-a como um escudo energético. Procurar a leitura sobre o Ho’oponopono, que se encontra disponível aqui no blog, para que possa compreender o seu princípio.

      Que os poderes infinitos do bem, da criação e do amor do Universo possam derramar as suas bençãos e estar com você na sua caminhada eterna…

      Muita luz,

      Carl

  20. Maria de Fátima Lima Says:

    Gostei imensamente do que li aqui, pois vai me ajudar muito. Eu também tenho um problema muito parecido, que começou há algum tempo, não sei precisar se 5 ou 8 anos. Percebi que quando estou conversando com as pessoas no trabalho ou em casa, elas começam a bocejar e percebo que elas parecem cansadas. Inicialmente, fiquei intrigada, mas a coisa tá ficando fora do meu controle. Tenho muitos pensamentos negativos, reconheço que que minha auto-estima é muito baixa e tenho constantemente problemas com relacionamentos. Ninguém parece gostar de mim, embora eu me sinta extremamente só e quando algumém se interessa por mim, logo se afasta, embora eu deseje ardentemente ter a pessoa ao meu lado. Outra coisa são os meus sintomas corporais: Tenho um sono muito agitado, durmo pouco, por isso, e quando me levanto parece que passei a noite carregando pedras, pois o corpo está geralmente muito cansado e dolorido, além dos pés tb doerem muito, somente quando levanto, após, tudo volta ao normal. Pelos sintomas que li sobre vítimas de vampirismo energético parece-me que sou uma dessas pessoas. Eu gostaria de saber o que causa isso em mim, se sou eu mesma ou se eu seguir os passos para cura conforme dado nesse site eu possa melhorar. Abraços.

    • Prezada Maria de Fátima:

      Obrigado pela sua visita e pelos seus comentários. Certamente que você é a única capaz de permitir-se ou não, ser invadida, ninguém é tão poderoso a ponto de poder-lhe causar algum mal, sem que você o tenha permitido. Os pensamentos negativos e a baixa auto-estima, fazem com que você se sintonize e abra a porta para que energias negativas sejam atraídas.

      É importante que você perceba o seu poder, mesmo que ele esteja sendo usado atualmente de forma negativa, pois, se isso não fosse verdade, você não conseguiria afastar as pessoas, fazê-las te ignorarem e etc. Um exercício muito simples que te ajudará a dissipar os pensamentos negativos é ficar em algum lugar tranquilo por alguns minutos, 5 ou 10 min., onde você possa fechar os olhos e voltar a sua atenção para a sua respiração, aos poucos, comece a perceber que a cada inspiração, você inala a energia poderosa e positiva do universo que circula por todo o seu corpo e mente e que toda vez que expira, elimina de dentro de você toda a negatividade acumulada. Ao mesmo tempo, você pode se visualizar no cume de uma montanha, com muito verde e natureza revigorante, onde um riacho cristalino, de água muito pura flue através de você, ajudando-a na sua limpeza interior. O contato real com a natureza, com os pés descalços na grama, ou terra, ajuda a descarregar esta carga negativa também, assim como uma alimentação mais saudável, com pouca carne vermelha, açúcar branco, refrigerantes, etc.

      Tudo de bom, e não se esqueça de utilizar o seu poder a seu favor.

      abs,

      Carl

  21. Carl,
    Muita gratidão pelas informações preciosas.

    Acabo de me libertar de um vampiro poderoso que foi meu “companheiro” por quase 5 anos. Durante essectempo, vivi em pânico, depressão, sempre sem energia, exausta, angustiada, com vontade de deixar este mundo. Não conseguia trabalhar. Fui internada inúmeras vezes e quase perdi a minha vida por 4 vezes, tomando muitas medicaçōes pensando que isso me libertaria de todo sofrimento.

    Peço por gentileza, que me envie as informaçōes mais detalhadas sobre a limpeza,ndesligamento enproteção por email. Também há algo mais que gostaria de compartilhar sobre esta minha experiência.
    lucianelima.lifecoach@gmail.com

    Que Deus nos ilumine e nos proteja, hoje e sempre!

    Abraço fraterno,

    Luciane

  22. Existe um poderoso processo de limpeza, que vc pode solicitar aqui no nosso blog, que ajudará na proteção contra essas energias invasoras negativas. Caso tenha interesse, deixe-nos um comentário logo abaixo Gostaria de ter mais sobre esse poderoso processo de limpeza

    • Olá Noeli, obrigado pelo seu interesse no assunto. O mais poderoso processo de limpeza contra energias invasoras está dentro de você mesma, e exige uma vontade e um desejo de mudança, dos velhos padrões e negatividades de pensamentos, que venha do fundo de sua alma, aquele desejo tão forte que, não importa o que aconteça, você tem a certeza que irá conseguir melhorar e sair desta situação que está agora. O poder está o tempo todo dentro de você e nunca fora, você só precisa reconhecer isto.

      abs,

      Carl

  23. Então, ninguém que tem problemas graves pode amar, admirar realmente outro alguém, elogiá-lo muito sinceramente, e sentir-se até esquecendo os problemas…Esse outro alguém, ainda que merecendo os elogios, deve fugir…e o outro nunca se verá merecedor de verem que é sincero? E isso não seria uma fábrica de desolados sem cura?

  24. Digo isso, porque tenho ainda muitos problemas com a família, e minha saúde enfraquece. Mas sempre me ergui pelos bons relacionamentos e apoio. Estas pessoas, nenhuma piora tiveram, pelo contrário, até melhorei muito a vida de várias, com amor, elogios e críticas recíprocos e sinceros. E se tivessem se afastado? Não estariam melhores, e eu, talvez não tivesse o amor-próprio que tenho.
    Não significa que tenha me libertado do vampiro maior, apenas a cada vez que me enlouquece, faço passar rápido os sentimentos mais destrutivos. MAS, minha dúvida é: Quando morrer, ele se tornará mais forte, ou me fortalecerei por não passar pelos momentos de ira e até de asco? Dependeria mesmo somente de nós?

  25. Interessante. Então, ninguém que tem problemas tão graves pode gostar, admirar realmente outro alguém, elogiá-lo muito sinceramente, e sentir-se até esquecendo os problemas…Esse outro alguém, ainda que merecendo os elogios, deve fugir…e o outro nunca se verá merecedor de verem que é sincero? E isso não seria uma fábrica de desolados vampirizados sem cura? Afinal, o amor ou a amizade de alguém forte é um apoio, algo até curativo, não?

  26. Gostaria de receber o processo de limpeza citado no final do site.

    Grato.

    • Caro Jiri,

      Agradecemos sua visita e seu interesse por este post. Em geral, estamos mais atentos ao que acontece ao nosso corpo, do que o que acontece em nosso ser, ou seja, se vc dorme mal, se alimenta mal, se tem hábitos pouco saudáveis, naturalmente, isso levará seu corpo a baixar a resistência física e consequentemente, vc será atacado por vírus, bactérias, etc, que o levarão à uma gripe, etc. Nosso aspecto interno, emocional, espiritual, psicológico, em nada difere do físico, sendo este último, a sua manisfestação, ou seja, se vc não tem bons hábitos mentais, se deixa-se embalar por pensamentos negativos, medos, culpas, ódios, etc, isso naturalmente acarretará um enfraquecimento de sua defesa energética vital, e como no caso das gripes, vc passa a ser um prato cheio para pessoas negativas, invejosas, aduladoras, etc, que querem a sua energia para se nutrirem. O principal mecanismo de defesa é entrar em contato, reconhecer as suas negatividades, porém, sem se identificar com elas, pois, no fundo, estas distorções, são apenas energia pura, limpa e vigorosa que foram bloqueadas, mal conduzidas, transformando-se em energia estagnada. Feito isso, limpe-se internamente, deixe que a energia armazenada de forma errônea nessa negatividade, volte ao seu estado natural, que é positivo, belo, e fluido. Mantenha-se sempre atento neste processo de limpeza, meditando, pedindo aos guias que o auxiliem e lhe deêm inspiração de como manter-se limpo de negatividades interiores, preste mais atenção as coisas positivas, a pensamentos motivadores, de sucesso, de bem estar, de conquista, de saúde, pois tudo que vc dá atenção, floresce, seja bom ou mal.

      abs,

      Carl

  27. neusa ribeiro Says:

    Olá, Karl. Sofro de vampirismo energético há alguns anos, já fiz de tudo para me livrar deles, mas hoje, entrando no teu blog, reavivei a minha esperança de ser feliz. Vou procurar fazer tudo o que está nêle, se for possível, pois estou começando a ficar doente. Mas não desisto, tenho muita fé. Se for possível tu me dizeres algo especial para fazer, estou aguardando um email teu. Deus te abençõe.
    Neusa

    • Prezada Neusa,

      Grato pela sua visita e pelo seu interesse neste assunto.

      Vamos direto ao ponto. Me diga uma coisa, se vc estivesse bem, saudável, disposta, fazendo o que ama, plena de si e de felicidade, satisfeita com vc mesma, realizada, cheia de amor, vc acha que seria possível estar sendo vampirizada? Bem, a resposta está bem aí. E saiba que é totalmente possível viver-se de forma plena, no exato momento em que vc decidir isto, pode ser já, pode ser agora, ou vc pode prorrogar isso para daqui a não sei qto tempo, só depende de vc sair deste estado, cortar de vez toda ligação negativa que tem com seus pensamentos, com pessoas, com o passado, etc, poder para isto vc tem, todos nós temos. O bem estar é o melhor escudo contra qualquer vampirismo, que não tem poder sobre nós, a não ser que deixemos as portas abertas para ele. Busque o melhor de si, viva plenamente, flua com o fluxo da vida e nunca mais será vampirizada.

      abs,

      Carl

  28. Muito, mas muito bom esse link! Aconteceu comigo. Fui percebendo um a um os vampiros emocionais em minha vida. E preciso relatar o que aconteceu: eles, apesar de vampiros inconscientes – acredito eu -, PERCEBERAM! Eles, os vampiros, eu preciso dizer aqui: PERCEBEM quando você corta a conexão que suga sua energia, colocando uma barreira! Eles não sabem exatamente o que está acontecendo, mas ficam desnorteados, desconcertados! E eu, que antes ficava quase sem forças diante dessa(s) pessoa(s), agora não sinto absolutamente nada, e ainda olho nos olhos delas, conseguindo compreender agora tudo o que se passa(va)! Algumas me dizem, hesitantes, que “Há algo estranho comigo!”, e outras, me dizem: “Você parece mais segura! O que houve?…”. Sim! O vampirismo só ocorre quando PERMITIMOS! Não há vampirismo que resista a uma auto-estima SAUDÁVEL e um AUTO-CONHECIMENTO profundo e verdadeiro! Esse link serviu para sedimentar em minha mente o que eu há pouco tempo tomei consciência e me libertou, me deixando aberta para SER FELIZ!
    Obrigada, Carl!

  29. A Mariana tem razão, eles percebem sim.
    Tenho sido vampirizada pela minha mãe há anos. Acredito que desde a infância, pois eu me lembro de sempre amar minha mãe mas também me lembro de sempre sentir medo dela também. Ela me educou com amor, sim, mas também na base do medo, ameaças e chantagens. Na escola era muito insegura e por isso sofria bulying dos colegas. Cheguei à idade adulta assim e tive muitas dificuldades em me manter nos empregos. Como a palavra da minha mãe era lei, eu não sabia ter opinião própria e ficava retraída, não interagia bem com os colegas de trabalho. Ainda assim, fiz bastante amigos e tive vários relacionamentos amorosos, mas a maioria deles foram bem complicados.
    Até que este meu atual relacionamento está me ajudando a perceber que posso sim ser dona da minha vida e da minha opinião. Meu marido tem me ajudado a me impor. E minha mãe, percebendo que estou mudando minha postura, culpa meu marido de estar me afastando dela. Qualquer opinião contrária à dela, ela diz que meu marido fez minha cabeça. Percebi que todas as vezes que dou ouvidos a ela, brigo com meu marido por bobeira. Andei sendo enfática com ela em relação a isso e ela mudou a tática.. adora adula meu marido, diz que reza pra ele e etc. Mas isso tudo é tentativa dela em que eu não me afaste dela.
    Mas depois de ler esta matéria, me fortaleci muito e estou decidida e mudar meus hábitos que antes permitiam essas invasões. Tenho uma filha, casa e marido pra cuidar e não posso me entregar.

  30. Boa noite a todos….
    Após uma pesquisa extensa sobre este tema o único q me de certa forma ajudou foi este blog…. No entanto o meu sugador energético e o meu director… Envolvemos nos sexualmente e tenho sempre uma vontade enorme de o ver , abraçar, ver o seu sorriso, no entanto após termos relações sexuais eu fisicamente fico de rastos….nenhum comprimido ajuda…nada. Tenho um bebe de 2 anos que e a minha única forca… No entanto o meu corpo e o meu coração me arrasta para um homem que me esta matando…estou medicada, tenho ataques de pânico, depressão , pareço uma velhinha fisicamente devido as dores que tenho e no entanto só tenho 33 anos. Ja me tentei afastar…despedir me….ele diz q precisa de mim… E eu chego as vezes a ter pena dele e só quero estar na companhia dele. O que posso fazer por favor para me afastar deste homem que tanto mexe comigo e que se calhar sem saber me suga as poucas forcas q tenho?
    Desde ja grata pelo desabafo….

    Beijinhos
    Carla

  31. Evite o dreno energético: cubra os chackras (ou a parte atacada)com o material refletivo dos sacos de comidas secas de supermercado (aqueles metálicos brilhantes por dentro) Use roupas e pijamas brancos. Fortaleça a aura: Coma um dente de alho cru por dia (pode fatiar e engolir) Orgonita (Kriptonita de vampiro): resina orgânica+ aparas de metal + cristais

  32. Sempre fui uma pessoa emocionalmente fraca, me importo muito com que os outros dizem, choro muito pelas críticas e há muito tempo sinto dores terriveis pelo corpo, não consigo concluir meus projetos e não tenho animo pra nada, isso começou depois que meu avô morreu, senti uma tristeza, uma apatia e desde então estou assim fraca, tem dias que acordo com muita empolgação, mas chega o fim do dia e vejo que não fiz nada de útil, já estava ciente que havia um energia má na minha vida e vinha pedindo proteção, estava até bem, mas fui passar o natal na roça dos pais do meu marido e minha sogra me odeia, fiquei uma semana lá, quando voltei pra minha casa não consegui fazer mais nada, sinto dores fortes nos braços, eu e meu marido brigamos constantemente e fico muito tempo me imaginando pendurada e enforcada em uma corda na minha própria casa, penso em ligar o gás da cozinha e deixar até morrer, estou desesperada, estressada e sinto que preciso de ajuda, pois amo muito minha filha (1 ano e meio )e não quero morrer, nós duas já brigamos muito, ela já disse que tomaria minha filha de mim que ela gosta mais dela, joguei o baralho cigano para confirmar e pra mim só tem saído : Perda de energia, fraqueza, anemia, aborrecimentos e surpreendentemente as cartas 16 estrela e 23 rato que mostra o consulente com falta de brilho pessoal, males espirituais e pessoa vampirizada; perguntei pro baralho se era ela que estava fazendo isso e saiu 7 serpente e 36 cruz grande perigo e uma gravidez indesejada, que imagino ser ela que não queria, pois ela tem muito ciúmes do meu marido que é filho dela, tenho muito medo dela querer usar minha filha contra mim e não suporto a ideia de ficar sem ela, eu sei pelo baralho que ela está enviando energias negativas pra mim e desejando confusão na minha casa e doenças pra mim.

  33. Obrigada pelos esclarecimentos. Mas acho indelicado afirmar que se o vampirismo ocorre é por própria “culpa” pois, muitas vezes somos vitimados por fatalidades que nos arrebatam a alma à dor como consequência natural da nossa condição humana e, portanto, nem sempre somos de fato “culpados” pela abertura de nossos seres às baixas vibrações de tristeza e desânimo, por exemplo.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: