Arquivo para sensibilidade

Um presente muito especial para as nossas almas !

Posted in Toda criança é especial with tags , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , on junho 1, 2012 by carl1ike

Olá pessoal, hoje, dia 01 de junho, o dia do meu aniversário, gostaria de compartilhar com vocês um verdadeiro presente para as nossas almas. Trata-se do filme: “Como Estrelas na Terra – Toda Criança é Especial” do diretor Aamir Khan e do roteirista Amole Gupte, que conta a estória de um garoto rejeitado pela família e pela sociedade por não conseguir ser como os outros, por ter dificuldade em aprender. Isolado e deprimido, ele começa a mudar qdo da chegada à escola de um professor temporário, que percebe que o menino sofre de dislexia.

A atenção, a dedicação e o respeito pelo garoto dado pelo novo professor, auxiliam o menino a se tornar o ser especial que ele sempre foi, compartilhando com todos os seus talentos, há muito soterrados pela repressão, pela cobrança excessiva e desumana, pelo foco exagerado na racionalidade em detrimento do sentimento, do coração e da intuição.

Este filme, não trata apenas de um professor excepcional e seu pupilo, de educação, mas, sim, em uma análise mais profunda, da maneira como nos tratamos interiormente, emocionalmente, psicologicamente, pois, todos os personagens, em última instância, são nossas próprias projeções, são nossa própria criação retratados no papel do pai incompreensível e radical, da mãe omissa, dos professores da escola que fazem o jogo do sistema, sem ao menos questioná-lo, da insensibilidade dos que o rodeiam, da repressão qto aos talentos e diferenças inatas de cada um de nós.

Analogamente, não seríamos todos disléxicos emocionalmente, internamente, psicologicamente no trato conosco mesmos ? O filme é tão precioso, por nos revelar este massacre interior que nos auto inflingimos, nos reprimindo, abafando o que há de mais precioso em nós mesmos, nos fazendo sofrer ao ponto de não termos mais vontade de viver, porém, ele sabiamente nos mostra que se tivermos a coragem e o comprometimento de nos libertarmos destes conceitos limitadores e castrativos, o que podemos esperar de nós mesmos, irá nos surpreender enormemente, assim como à todos que nos rodeiam…

Para assistir ao filme, veja o link:

http://www.youtube.com/watch?v=Xvbs8sLQWQ8

Resgate o que há de melhor em vc mesmo.

abs,

Carl

Além da Vida

Posted in "Além da Vida" with tags , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , on janeiro 22, 2011 by carl1ike

“Além da Vida”, último filme do ator e diretor Clint Eastwood, com roteiro de Peter Morgan, não é apenas um drama, entretenimento ou um filme que vc assiste e simplesmente vai comer uma pizza com os amigos. 

Não, ele é um exemplo que Hollywood tem conhecimento de muitas coisas espirituais, que até então, não eram divulgadas ao grande público. Durante o desenrolar da trama, sensações como: um nó na garganta e olhos marejados podem facilmente ocorrer.

A incrível sensibilidade do diretor, orquestrando as interpretações excelentes dos atores, entre eles Matt Damon, como também de iniciantes, caso do garoto que tem um irmão gêmeo, nos conduz claramente a reafirmar interiormente, nossa suspeita e intuição de que existe algo além dessa vida, e que esses dois mundos, se comunicam e interagem entre si, a todo o momento.

Além disso, o filme nos deixa com um sentimento de resgate, através do seu personagem principal, de que nossas habilidades adormecidas de clarividência, intuição e sensibilidade, podem ressurgir, não apenas através do acidente ocorrido com George (Matt Damon), mas, quem sabe, serem retomadas intencionalmente.

Também é interessante notar, como os meios de comunicação de massa, entre eles o cinema, estão cada vez mais despertando assuntos metafísicos, que até pouco tempo atrás eram considerados banalidades. Sempre que isso ocorre, faz-me lembrar das palavras proféticas de José Arguelles, sobre 2012, que afirmam que estamos vivendo numa época em que tudo o que estava oculto, será exposto claramente.

Se você tem a intenção de assistir um filme que realmente demonstre todo o poder que o cinema tem de ampliar nossa consciência, passando uma mensagem realmente relevante, “Além da Vida” é um dos melhores exemplos dessa capacidade.

 

Sensibilidade

Posted in Osho with tags , on março 12, 2010 by carl1ike