Archive for the Uncategorized Category

Sons sagrados para reconexão

Posted in Sons sagrados, Uncategorized with tags , , , , , on maio 25, 2017 by carl1ike

Mantras e sons sagrados existem para facilitarem a nossa conexão com o Universo, com o Todo, com a Fonte Ilimitada, eles tem o poder de nos transportar rapidamente a uma outra frequência vibracional, mais elevada, nos possibilitando acessar estados mais sutis de consciência, onde reencontramos o caminho para o alinhamento de nosso corpo físico, espiritual, emocional e mental, nos tornando internamente coesos novamente, gerando naturalmente um bem estar e paz interior.

Quanto mais trilhamos estes caminhos, menos nosso cérebro suporta sons desarmônicos, que nos causam agitação e irritação, como muitas músicas que são tocadas no rádio, divulgados pela mídia, como sucessos. Estar-se distante de si mesmo e do Todo, não pode ser chamado de sucesso.

Acupuntura sem agulhas – Todo seu corpo está em suas mãos

Posted in Acupuntura nas mãos, sem agulha, Uncategorized with tags , , , , , , , , , , on março 6, 2017 by carl1ike

 

mao acupuntura

A maioria das pessoas está acostumada a ir ao médico por qualquer coisa. Talvez isso também aconteça com você. Para qualquer dor ou mal estar, você vai ao hospital, toma remédios que talvez nem precise, porque confia que aquele profissional de branco sabe melhor do que você o que está se passando.

Porém, a maioria das vezes os médicos não sabem o que você tem de verdade e na prática, não sabem como tratar as doenças.

Então é melhor e mais fácil para eles cuidarem dos sintomas e torcer para que tudo dê certo, do que tratar a causa.Fora as dezenas de efeitos colaterais que esses remédios geram.

Quando você lê a bula dos medicamentos, com tantas contra indicações e efeitos colaterais, parece que você ficará ainda MAIS doente depois de tomá-los.

Será que você está fazendo o tratamento adequado para suas doenças?

Não é assim que funciona na Medicina Oriental.

A Acupuntura tem um único objetivo: Equilibrar as Energias do seu corpo.

A verdade é que as doenças são apenas desequilíbrios de um ou mais “canais de energia”.

Quando você trata o canal de energia, é como se você apertasse um botão no seu corpo.

As dores desaparecem. As doenças se curam.

Quer saber como se curar? Então acesse o link abaixo:

http://saudeemsuasmaos.com/lp-acm-2/

A maior Falácia do mundo corporativo

Posted in A maior Falácia do mundo corporativo, Uncategorized with tags , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , on março 6, 2017 by carl1ike

Business people standing in hallway

Você que trabalha numa empresa e precisa lidar com o ambiente corporativo, com as exigências do seu chefe, com os comentários dos colegas, com as diversas pressões, com as várias personalidades, com as mudanças repentinas de humores e climas, com os inúmeros conflitos de interesse, com a comunicação deficiente dos vários setores, visando manter seu emprego, para poder pagar suas contas, já deve ter notado que quando se fala em cumprir as metas, atingir os objetivos do seu time, as coisas sempre acabam parecendo o que na verdade não são.

Por baixo de todo objetivo, de cada meta, do trabalho em equipe, existe uma lista infindável de coisas que vem em primeiro lugar, e que colocam estes objetivos, estas metas, esse team work em último plano. O que realmente ocorre é que todos estão mais preocupados com seus egos, com impressionar, com aparentar, com os jogos de poder, com ser considerado isto ou aquilo, em criar uma imagem de eficiente, de profissional, de competente, de não ser deixado de lado, de ser visto e considerado pelo chefe, em defender e justificar seus pontos de vista, em concordar quando na verdade discordam, em se livrar da culpa de não ter feito, em justificar a falta de eficiência, em maldizer e criticar os outros, em camuflar os erros, em trapacear e puxar o tapete para se sobressair, em evitar a cobrança, em postergar as demandas, em enrolar, em ser falso e gentil quando na verdade se é tacanho e dissimulado, em competir e prejudicar, que parece que a última coisa a ser feita é simplesmente o trabalho em si.

Por isso tantas empresas tem dificuldades em atingir seus objetivos, em ter uma vida financeira verdadeiramente próspera, e por isso tantos funcionários estão insatisfeitos com suas funções, com seus empregos, por que muita gente não tem mais estômago para estes joguinhos corporativos, mas, se vêem obrigados a conviver com tudo isso, e muitas vezes ficam estagnados, ficam sem saber o que fazer.

Portanto, a maior falácia do mundo corporativo é realmente o fazer-se o trabalho que precisa ser feito. Então, da próxima vez que você pisar na empresa, observe o que realmente está por baixo de todas estas metas e objetivos, porque se você souber como as coisas realmente são, terá a oportunidade de conseguir fazer algo útil, terá a chance de ver os infinitos jogos implícitos que são jogados diariamente no ambiente corporativo e poder decidir se quer jogá-los ou não, se quer se iludir ou não, ou sair do trabalho e procurar algum outro lugar, um pouco menos corrompido, ou quem sabe até empreender e começar seu próprio negócio, com outros parâmetros.

Para um bom observador, o maior objetivo de todos os funcionários é manterem seus empregos, seja a que custo for, e o mair objetivo das empresas é pagar o mínimo possível para poderem tentar fazer pessoas bem insatisfeitas produzirem, fingindo que estão contribuindo para as suas próprias vidas. É bem provável que esta falácia de ambas as partes, esteja com os seus dias contados.

Se você tiver alguma situação na empresa em que trabalha que se assemelhe a tudo isso, deixe seus comentários abaixo. Boa semana…de trabalho

Grigori Grabovoi – Sequências numéricas para tudo

Posted in Uncategorized with tags , , , , , on abril 6, 2015 by carl1ike

matrix

Se você quer mudar situações ruins em sua vida, estas sequências numéricas, cognizadas pelo russo (físico, cientista, matemático, paranormal) Grigori Grabovoi, podem ajudá-lo. É só repetir quantas vezes puder, a sequência numérica que te interessa, visualizando a situação já resolvida.

Amor – 888 412 1289018
Amor eterno (incondicional) – 888 912 818848

Paz – 1001105010

Prosperidade – 71427321893

Abundância Financeira
– 318 798

Harmonização Universal – 14854232190

Sustentabilidade ambiental
– 97318541218

Emagrecer – 4812412

Depressão – 519514 319891

Desemprego – 318514517618

Consciência Elevada – 519 377898 997

Problemas de Pele
(e também venéreos) – 18584321

Rejuvenescer
– 2145432

Preguiça
– 318 41791844

Queda de cabelo (calvície) – 5484121

Problemas nos dentes – 1488514

Cárie – 5148584

Esmalte do Dente – 618 374 898 161

Carisma
– 491718594817

Determinação – 498518498

Proteção – 9187756981818

Escudo – 814418719

Talismã – 817219738

Dependência química – 5333353

Alcoolismo – 148543292
Vício em Nicotina – 1414551

Determinação e foco para aprendizagem – 212585212

Empreendedorismo – 71974131981

Compreensão – 39119488061

Para se Apaixonar – 515889

Para atrair a pessoa ressonante (Regra Dourada) – 591 718 9181419

Tudo é possível – 519 7148

Prosperidade Força e Perseverança Yin & Yang

Posted in Uncategorized with tags on dezembro 11, 2014 by carl1ike

1peixe douradoNa filosofia japonesa e chinesa, as lendas tratam a carpa como um animal diretamente ligado à força e a perseverança – já que, para colocar seus ovos e perpetuar a espécie, precisavam subir até a fonte do Rio Amarelo (Huang Ho), enfrentando a queda d’água de Longman Falls, ou Portão do Dragão, e ali se transformavam em dragões como forma de recompensa.

Natal Peru Vazio e Rodelas de Abacaxi

Posted in Uncategorized with tags , , , , , , on dezembro 8, 2014 by carl1ike

1 natalToda época de natal ele sentia uma estranha sensação, um certo vazio, percebia a agitação das pessoas no seu frenesi desenfreado de compras, como se os presentes, seu tamanho, seu preço, seu brilho pudessem esconder algo que não estava sendo presenteado, que não podia ser materializado e por este mesmo motivo, ser tão valioso e tão esquecido. O encontro com gente com quem se tinha pouca afinidade durante todo o ano, mas, devido a ocasião, se fazia necessário cumprimentar e simular proximidade, se fazia necessário erguer a taça, sorrir e abraçar calorosamente desejando-lhes boas festas, quando os ponteiros marcassem meia noite, para logo em seguida, se refugiar a mesa e se empanturrar com sofreguidão, como se o exagero no comer e no beber também fossem um outro artifício para se tentar abafar aquilo que não estava sendo realmente compartilhado entre familiares, amigos e conhecidos. Toda época de natal ele sentia aquele vazio, que ficava ainda maior depois que os presentes fossem abertos e dentro daquelas caixas, apenas a lembrança de uma tentativa frustrada de se aproximar do outro e de si mesmo, de uma forma limitada, fria e material, apenas aquela dificuldade de se desembrulhar de dentro do coração o que poderia nutrir e aconchegar as relações, tornando os semblantes leves, as máscaras desnecessárias, os sorrisos verdadeiros, as defesas e diferenças desarmadas, o afeto, primordial, o convívio, harmonioso, o abraço, fraternal, a cooperação, original. Toda época de natal, aquele mesmo vazio e frustração, acompanhado de peru, tender, rodelas de abacaxi e espumante…

Lição Fundamental na Dualidade

Posted in Uncategorized with tags , , , , , , , , on novembro 14, 2014 by carl1ike

1dualidade maos

Fundamental Lessons
in Duality
– by Richard Bartlett, DC, ND
Quotes from Richard Bartlett
– 3 –
Adapted from The Physics of Miracles:
Tapping Into the Field of Consciousness
Potential, ©2009, Atria Books/Beyond
Words.)
You are consciousness. That is
what you are. You have chosen to
manifest the patterns of information
that appear in your personal reality
in the form of conditions, structures,
families, or finances. At some level,
you have chosen everything in your
life. Sometimes we choose by not
choosing. All too often, some of us
choose by being in polarity with what
we do not want. If we do not want to
develop a state of disease, what do
we do? We eat right for our health.
There is a hidden bomb in that
concept, isn’t there? If you eat right for
your health, what might you be doing?
At one level, you are eating to stave
off disease.
If you are eating healthy foods in
order to prevent disease, you are
in an unconscious relationship with
what you fear. If you are trying to
prevent your cholesterol numbers
from going up, you are in a struggle
with cholesterol. If you are taking
aspirin to prevent a heart attack or a
stroke, you are in an unconscious and
uncomfortable relationship with all of
those things. You are in a paired spin
with what you don’t want. In such a
configuration, if your fears spin up,
your health can spiral down. When
did “An apple a day keeps the doctor
away” become “An aspirin a day keeps
the doctor away?” Don’t buy into all
of the medical statistics so completely
that you become one!
It is one thing to eat in a way that
benefits you because you feel good
when you do it. And eating in this
manner might coexist with certain
principles of eating right for your
health. Your personal needs and your
energy, coupled with your beliefs,
define what being healthy means
for you. This is why diet is such an
individual thing. A person can eat only
bacon, lose weight, have a healthy
heart, and have their insulin levels
go down. That diet might actually
represent good biochemistry for them.
Another person could eat only raw
salads and do just as well without any
other kinds of food. A person from
a different planet might consume
only raw sunlight and be full of light
and energy! However you decide to
eat should be congruent with your
personal and cultural references for
what is healthy for you.
WHY EATING RIGHT CAN
SOMETIMES BE WRONG
Health and disease as mandated
structures and norms are a bad idea.
As I’ve already suggested, when
you are “eating right for your health,”
you might, unconsciously, be in a
relationship to, and a polarity with,
disease. Bacon could be really great
for your arteries. “All right Doctor, if
you say so!” No, only if you say so!
You can say, “I love you bacon,” and
it could be just fine to eat it. I am
being semi-serious. As a physician
I strongly suspect that much of the
nutritional research out there is
questionable at best. Much of the
so-called health research is actually
sponsored and paid for by huge
corporate conglomerates, including
the pharmaceutical giants.
When the research generates data
other than what is desired by these
companies, it can sometimes become
buried. If a study conflicts with the
financial bottom line of the corporate
entity, a new study will quickly be
undertaken to shift the outcome in
favor of the product to be marketed. As
the villain in the Indiana Jones movie
The Last Crusade stated, “I said to
trust no one, Dr. Jones, not even me.”
The problem is that if enough people
believe a stated conclusion, it then
becomes a reality for those ideas that
fall into that particular box. That is why
I say there is a surprise in each box.
What particular box of beliefs have
you built around yourself, or allowed
others to construct for you?
Do not do something just because
the experts tell you to do it. Do it
because in the moment it feels right
and supports your physiology. Do it if it
supports your need or belief system as
it is showing up in the moment. Do you
hear the flexibility in that?
Richard Bartlett, DC, ND, is founder of
Matrix Energetics, which C. Norman
Shealy calls, “the essence of energy
medicine.” A chiropractor and naturopath,
Bartlett travels extensively to teach
this groundbreaking consciousness
technology each year. He is the author of
Matrix Energetics, The Matrix Energetics
Experience, and the newly published The
Physics of Miracles. For more information
about Matrix Energetics, visit the website
at: http://www.matrixenergetics.com.